Marketing-para-sorveteria
Marketing para sorveteria: dicas para vender em qualquer estação
20 de outubro de 2020
Como aumentar as vendas: 5 boas práticas para começar hoje mesmo
11 de novembro de 2020

Incluir na rotina as estratégias de marketing para lojas de roupas é uma das principais maneiras de reforçar a sua marca – seja ela já conhecida ou ainda nova no mercado.

Afinal de contas, toda e qualquer ação de marketing tem como foco inicial a atração de pessoas que estejam dentro do perfil de público da empresa, tornando mais fácil o processo de vendas. 

Em tempos tão digitais como os que estamos vivendo, o segredo para obter retorno no marketing para lojas de roupas é este: unir o off-line com o on-line

Mas como fazer isso? Por meio de um bom planejamento e conhecendo bem o perfil dos seus clientes.

A seguir, confira 5 dicas de estratégias de marketing para lojas de roupas para os meios físicos e digitais:

1. Segmente o seu público

Não basta apenas você conhecer a fundo todas as características dos seus clientes e construir uma boa persona.

No marketing para lojas de roupas (e todos os demais segmentos), o que vai gerar mais retorno é a segmentação desse público, tanto para as vendas físicas quanto para as divulgações digitais.

A segmentação nada mais é do que separar a sua lista de clientes em diferentes tipos. Exemplos:

  • Clientes acima dos 60 anos;
  • Clientes que vestem P, M, G e tamanhos especiais;
  • Clientes que gostam de roupas X;
  • Clientes que preferem roupas Y.

Com isso, fica mais fácil você entrar em contato com essas pessoas com base na lista de segmentação para ofertar promoções e avisar sobre lançamentos de acordo com suas preferências.

Nos meios digitais, a segmentação também permite que você utilize melhor os recursos de anúncios da sua loja na internet. 

Por exemplo, um anúncio do lançamento de determinada roupa deve ser focado em determinado segmento de público, que tem mais chances de comprá-la, entende?

Então, monte agora a sua segmentação antes de colocar em prática as demais estratégias de marketing para lojas de roupas.

2. Planeje ações promocionais em suas estratégias de marketing para lojas de roupas

Lojas físicas não podem parar de criar ações promocionais para atrair e fidelizar clientes. 

Com criatividade, nem é preciso investir altas somas de dinheiro para isso. Exemplos de ações promocionais eficientes para lojas de roupas são:

  • temporadas de liquidação;
  • ações em datas comemorativas;
  • distribuição de brindes mediante compras;
  • programa de pontos para fidelização;
  • eventos relacionados a moda para atrair clientes, como coquetéis de lançamento de coleções, workshop de imagem e estilo, etc.;
  • descontos especiais relacionados a algum evento, como a data de aniversário do cliente.

Todas são ações simples e que ajudam nas vendas e também na construção de um relacionamento com os clientes. Não se esqueça de sempre coletar os dados deles e pedir autorização para o envio de ofertas especiais nos canais (por e-mail, WhatsApp, telefone ou outra forma). 

cta comprar wind banner

3. Diversifique os canais de atendimento ao cliente

Também faz parte das estratégias de marketing para loja de roupas a ampliação dos canais de atendimento.

O WhatsApp Business, por exemplo, é um ótimo meio de se comunicar com seus clientes, informando-os sobre as novidades da sua loja. Mas lembre-se que, até o momento, o app não permite ações promocionais e vendas diretas, certo? 

As redes sociais também são ótimos canais de atendimento, já que elas são ferramentas de relacionamento com o seu público. Por isso é tão importante responder aos comentários e aos directs. Uma venda pode sair de uma simples interação. 

Aliás, só um reforço: não é nem preciso dizer que a sua loja de roupas também precisa ter um perfil nas redes sociais, né?

Essa é uma das melhores estratégias de marketing para lojas de roupas para tornar a marca mais forte no ambiente on-line. 

4. Venda na loja física, mas também facilite a venda on-line

Você tem uma loja física de roupas e não coloca os preços na vitrine. Isso é ruim, pode espantar as pessoas e trazer problemas com os órgãos de defesa do consumidor.

Da mesma forma é o ambiente on-line. Mesmo que você não tenha um e-commerce, ao postar no feed das redes sociais ou em outros meios a foto das roupas que vende, exponha o preço. 

Isso melhora a experiência do cliente e aumenta a chance dele comprar. Nada é mais inconveniente do que várias pessoas perguntarem o preço do vestido que você postou e a resposta foi “preço por direct“. Você perde vendas com isso. Seja ágil e não tenha medo da concorrência. 

5. Utilize wind banners como recursos visuais na fachada da loja

Como estamos falando de marketing para lojas de roupas, também capriche na fachada do estabelecimento com recursos visuais.

Os wind banners são ferramentas visuais perfeitas para os estabelecimentos físicos, já que eles não necessitam de muito espaço e conseguem causar impacto visual. 

Eles podem ser utilizados tanto para reforçar a sua marca como para sinalizar alguma oferta especial ou ação promocional.
Na sequência, preparamos um post explicando como utilizar o wind banner como estratégia de marketing.

cta comprar wind banner

Acompanhe nosso Instagram @gobanners

Luis Silvestre
Luis Silvestre
Luis Silvestre é proprietário e fundador da RVB Balões e Infláveis empresa com 20 anos e líder de mercado na fabricação de infláveis promocionais. No Balonismo é tetracampeão brasileiro e presidente da Federação Paulista de Balonismo. Em 2017, com sua esposa Livia Silvestre e sócia Amanda Ferreira fundaram a GoBanners Comunicação Visual, empresa focada na produção de Wind Banners e Banners Roll Up.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: